Untitled Document
Untitled Document

Notícias


HPM completa 50 anos

No dia 20 de novembro, o Hospital da Polícia Militar "Comandante Lara Ribas" (HPM) realizou a solenidade em comemoração ao seus 50 anos de existência. Desde a sua criação, em 1963, o Hospital da Polícia Militar vem acompanhando os avanços da medicina através de investimento em todas as áreas. Localizado na rua Major Costa, no Centro de Florianópolis, o hospital possui cerca de cinco mil metros quadrados de área construída. Dispõe de 33 leitos para internação, sendo 12 apartamentos, sete enfermarias e quatro leitos no serviço de pronto atendimento, com um total de 33 leitos, podendo ser ampliado futuramente em mais oito leitos. Possui um corpo clínico de 60 profissionais, divididos em 31 especialidades médicas, e conta com o apoio de uma ambulância.

Neste ano, que marca o cinquentenário do HPM, a Polícia Militar descentralizou as atividades da instituição, com a assinatura do contrato de gestão a Associação Beneficente dos Policiais Militares Estaduais (ABEPOM) que passou a gerir as atividades administrativas a instituição hospitalar. A descentralização aconteceu para que o hospital cresça ainda mais, e a cada dia possa atender ainda melhor seus pacientes.


Em 1880, mais precisamente no dia 16 de fevereiro, o governo do Estado, preocupado com a saúde dos homens que compunham a Força Policial autorizava a contratação de médicos facultativos que, diariamente, deveriam comparecer ao quartel - general, para uma avaliação da tropa.No dia 5 de maio de 1926, criava-se a farmácia e, no ano seguinte, no mês de julho, nascia o que seria mais tarde o hospital.Finalmente, no dia 20 de novembro de 1963, é assinado o decreto nº 924, criando o hospital da Polícia Militar, o qual passou a se chamar de Hospital Comandante Lara Ribas.

Estiveram presentes o secretário de Estado da Segurança Pública (SSP), César Augusto Grubba, o secretário de Estado de Planejamento, Murilo Xavier Flores, o comandante-geral da PM, coronel Nazareno Marcineiro, o subcomandante-geral, coronel Valdemir Cabral, o chefe do Estado-Maior geral, coronel João Schorne de Amorin, o comandante do Corpo de Bombeiros Militar, coronel BM Marcos de Oliveira, o secretário adjunto da SSP, coronel PM RR Fernando Rodrigues de Menezes, a promotora de Justiça Sonia Maria Demeda Groisman Piardi, o diretor de Saúde e Promoção Social (DSPS), coronel Reinaldo Boldori, o presidente da ABEPOM, tenente-coronel José Aroldo Schlichting, o coordenador Militar do HPM e Vice-Presidente da ABEPOM, major Jacob Quint Neto, o historiador e coronel RNR Edmundo José de Bastos júnior, além de outros oficiais, praças, agraciados, convidados e amigos.

O comandante-geral da PM, coronel Nazareno Marcineiro, destacou a significativa data. “Aos 50 anos de existência, o HPM é motivo de orgulho não só para a Corporação, mas também para todos que se dedicam a cuidar do bem maior de nossas vidas, que é a saúde”, enfatizou.

A fim de engrandecer e marcar a passagem desta data, o Comando-Geral da PM criou a medalha comemorativa dos "50 anos do Hospital da Polícia Militar - Comandante Lara Ribas". A honraria agraciou pessoas físicas e jurídicas que, no exercício de suas atividades e por sua dedicação e capacidade profissional, prestaram à saúde e promoção social dos policiais militares significativos serviços através do HPM.
Funcionários do HPM, militares e civis, que passaram para a reserva remunerada em 2013, também foram homenageados.



(Texto extraído do site da PMSC. http://www.pm.sc.gov.br)


Notícias Anteriores

Footer